Projeto Cuidar é Viver
Depoimentos
A opinião de quem já participou do Programa.
Depoimentos

Depoimentos de Alunos que concluíram o curso de Formação de Cuidador de Idosos

depoimentos1Para a aluna Rosana Isabel de Mattos, 49 anos, fazer o curso foi a realização de um sonho: “faz mais de 15 anos que sonho em fazer o curso, e como na época que despertou esse desejo eu estava com quatros filhos pequenos, acabei indo trabalhar com outras coisas e tive que deixar o sonho de ser cuidadora para mais tarde. Hoje, por exemplo trabalho com uma idosa de 90 anos, mas como empregada doméstica. Sempre tive essa facilidade de lidar com eles, esse amor que acaba sendo reconhecido por amigos e familiares que me indicam para trabalhar com os idosos, mas eu acabo assumindo outras funções porque até então eu não tinha o curso, as técnicas necessárias e o certificado que é tão importante para conseguir um emprego, agora não, depois dos meus filhos criados, eu não podia perder mais essa possibilidade de fazer o curso e, quando o OLHE abriu as inscrições, não pensei duas vezes. Depois de três meses de curso, de ter feito a vivência prática nas instituições, dado banho nos idosos, conversado com eles, alimentá-los, transportar de um local para o outro, não tenho dúvidas, é isso mesmo que quero fazer.”

 

 

 

 

depoimentos2

Irene Natália Ferreira de Castilho, 61 anos, acreditava que a idade poderia ser um empecilho para fazer o curso e trabalhar como cuidadora: “eu achava que por ter mais de sessenta anos eu não pudesse trabalhar como cuidadora, hoje depois de fazer o curso, vi que na verdade o único empecilho para a função é ter uma limitação física de não aguentar por exemplo, trocar um idoso, e que a questão da minha idade é muito bem vista já que os idosos se identificam mais facilmente e a relação fica muito mais prazerosa. Gostei muito do curso, todas as aulas foram maravilhosas, principalmente o professor Carlos Lima”, de quem ela diz que vai sentir muita saudade.”

 

 

 

 

 

Para um dos alunos do sexo masculino, Francisco Alves de Oliveira, 45 anos, o curso é uma oportunidade de progredir profissionalmente: “sou cabeleireiro por profissão, e de repente fui percebendo que o cuidador de idosos é uma função muito requisitada hoje em dia e fiquei pensando muito em mudar de área. Soube do curso através de uma cliente do salão e me interessei bastante. Tentei várias vezes fazer o curso do OLHE, na época não havia turmas disponíveis, todas já estavam completas e, depois de três meses de espera, o OLHE me ligou avisando deste curso e vim correndo fazer. Gostei sobretudo das aulas sobre cuidados práticos. A vivência prática nas instituições é maravilhosa e podia ter mais visitas durante o curso, acho que é nesse momento que a pessoa realmente pode saber se quer ou não seguir em frente como cuidador de idosos.”

Durante a formatura da Turma Envelhe-Ser, a formanda Geovana Renata Santos da Silva disse emocionada: “adorei o curso. Foi uma experiência inesquecível. Sou auxiliar de enfermagem e já trabalhei com idosos mas nunca tinha feito curso de cuidador, então surgiu essa oportunidade e eu não pude perder. Gostei de todas as aulas, os professores são maravilhosos e para mim o que mais ficou registrado foi saber que o idoso deve ter autonomia e que é papel também do cuidador, incentivar a autonomia do idoso, esse conhecimento eu vou levar para o resto da vida”.

Fonte: http://www.portaldoenvelhecimento.com/cuidados/item/662-olhe-comemora-a-formatura-de-mais-duas-turmas-de-cuidadores-de-idosos